18
Dez 08

Olá! Conta-me...Como correu o teu encontro na outra noite?

Horrível! Não sei o que se passou!

Porquê?... Não te deu nem um beijo?·
Sim!!!...Beijou-me  tão forte! E mordeu-me os lábios com tanta força que pensei que me ia saltar o implante de colagénio!... Depois começou a acariciar-me o cabelo e soltaram-se algumas extensões que tinha.  

Não me digas que terminou aí?

Nãooo...!! Depois agarrou-me a cara entre as mãos, até que tive que lhe pedir para parar porque estava a espalhar o botox! Além disso, as minhas pestanas postiças ficaram coladas no seu nariz.·
E não tentou mais nada?

Sim...começou a fazer-me festas nas pernas. Tive que o travar porque me lembrei que não tinha tido tempo de fazer a depilação, e ao tentar pará-lo, saltaram-me duas unhas postiças. Depois deu-lhe um ataque de luxúria arrebatador e abraçou-me com tanta força que quase mudou a forma dos meus implantes de silicone.·
E depois o que aconteceu?·
Pôs-se a beber champanhe do meu sapato!

Ai...que romântico!!!

Romântico?...quase que morre ali mesmo!

Porquê?

Porque engoliu o corrector de joanetes e quase que sufocou!·
E depois, o que aconteceu?

Acreditas que se foi embora???

Cá para mim, era maricas!...

 

publicado por meujaspe às 21:23

17
Dez 08

Pegue uma vela branca, um copo d'água e uma imagem de Santo Antônio enrolada numa fita métrica.

Meça com a fita métrica a sua barriga, faça uma marca na fita com uma caneta, antes de enrolar a mesma na imagem do Santo.

Coloque tudo isso ao seus pés e deite-se no chão, de barriga para cima.

Toque então com as pontas dos dedos (da mão) nas pontas dos pés (que não devem se afastar do chão), dizendo bem alto:
 
 

'SANTO ANTÔNIO , ME TIRA ESSA BARRIGA!'


 

 

Repita isso 500 vezes por dia até chegar ao ponto desejado.

Você vai ver: é tiro e queda! 
 

publicado por meujaspe às 23:21
sinto-me: a morrer de rir!

Enviaram me isto e fiquei preplexa!

 

publicado por meujaspe às 23:13
sinto-me: Grrrr

As mulheres e os banheiros públicos
>
> Minha mãe ficava histérica com os banheiros públicos. Quando pequena,
> me levava ao banheiro, me ensinava a limpar a tampa do vaso com papel
> higiênico e a cobrir cuidadosamente, com tiras de papel em toda a
> borda. Finalmente me instruía:
>
> - "Nunca, nunca se sente em um banheiro público". Logo me mostrava "a
> posição" que consiste em se equilibrar sobre o vaso em uma posição
> de sentar sem que o corpo entre em contato com o vaso. Isso foi há
> muito tempo, mas ainda hoje em idade adulta, "a posição" é
> dolorosamente difícil de manter quando a bexiga está quase
> estourando.
>
> Quando você tem que ir a um banheiro público, sempre encontra uma fila
> de mulheres que te faz pensar que as cuecas do Brad Pitt estão à venda
> pela metade do preço. E assim espera pacientemente e sorri amavelmente
> às outras mulheres que também estão discretamente cruzando as
> pernas.
>
> Finalmente é a sua vez, você olha cada cubículo por baixo da porta
> pra ver se não há pernas. Todos estão ocupados, mas finalmente uma
> porta se abre e você entra quase jogando a pessoa que está saindo.
> Você entra e percebe que o trinco não funciona, mas não importa...
> Pendura a bolsa no gancho que tem atrás da porta e, se não tem
> gancho, você a pendura no pescoço mesmo, enquanto se equilibra, sem
> contar que a alça da bolsa quase corta a sua nuca, porque está cheia
> de porcarias que você foi jogando dentro, das quais não usa a
> maioria, mas as tem aí, para o caso de "e se eu precisar?"
>
> Mas, voltando à porta... como não tinha trinco só lhe queda a opção
> de segurá-la com uma mão, enquanto com a outra você abaixa a calcinha
> e fica "na posição". Alívio... ahhhhhh... mais alívio, aí é quando
> suas pernas começam a relaxar e você adoraria sentar, mas não teve
> tempo de limpar o vaso e nem cobrir com papel, nessa hora você quase
> tem um treco de tão aliviada, e aí dá uma desequilibrada e erra a
> mira. Pronto, o suficiente pra ficar molhada até as meias, e é obvio
> que dá pra notar. Para afastar o pensamento dessa desgraça, você
> procura o rolo de papel higiênico ... maaaas... hehehe, o rolo tá
> vazio! E as suas pernas continuam querendo relaxar. Aí você lembra de
> um pedacinho de papel que tá na bolsa, meio usado porque você já
> limpou o nariz com ele, mas vai ter que servir, você amassa ele pra
> absorver o máximo possível, mas ele é muito pequeno.
>
> Alguém empurra a porta e, como o trinco não funciona, você recebe uma
> baita portada na cabeça e prontamente grita "tem genteeeeee" enquanto
> continua empurrando a porta com a mão livre, o pedacinho de papel que
> você tinha na mão cai exatamente em uma pequena poça que tinha no
> chão e você não sabe se é água ou xixi... De repente um
> desequilíbrio e você cai sentada no vaso. Se levanta rapidamente, mas
> já é tarde, seu traseiro já entrou em contato com todos os germes e
> formas de vida do vaso porque não o cobriu com papel higiênico, que
> de qualquer maneira não havia, mesmo se você tivesse tido tempo de
> fazer isso.
>
> Sem contar o golpe na cabeça, o quase corte na nuca pela alça da
> bolsa, a espirrada de xixi nas pernas e nas meias, que ainda estão
> molhadas... a lembrança de sua mãe que estaria terrivelmente
> envergonhada de você, porque o traseiro dela nunca sequer tocou o
> assento de um banheiro público, porque francamente, "você não sabe
> que tipo de doença poderia pegar ali".
>
> Mas a aventura, aliásm desventura ainda não terminou. Agora a descarga
> do banheiro, que tá tão desregulada que jorra água como se fosse uma
> fonte e manda tudo pro esgoto com tanta força que você tem que se
> segurar no porta-papel (quando tem) com medo de que aquele negócio te
> leve junto e te mande pra China. Até que finalmente você se rende,
> ensopada pela água que saiu da privada como uma fonte. Exausta, tenta
> se limpar com uns papeizinhos de chiclete Trident que estavam na bolsa
> e depois sai discretamente para a pia. Você não sabe muito bem como
> funcionam as torneiras automáticas também, e então dá uma
> limpadinha nas mãos com saliva mesmo e seca com toalha de papel. E sai
> passando pela fila de mulheres que ainda estão esperando com as pernas
> cruzadas e nesse momento você é incapaz de sorrir cortesmente.
>
> Uma alma caridosa no fim da fila te diz que você tá com um pedaço de
> papel higiênico do tamanho do rio Amazonas grudado no sapato. Você
> puxa o papel do sapato e joga na mão da mulher e lhe diz suavemente:
>
> - "Toma! Você vai precisar!".
>
> Nesse momento, seu namorado ou marido que usou o banheiro masculino e
> teve tempo de sobra pra ler "Guerra e Paz" enquanto esperava, te
> pergunta:
>
> - "Uch... porque demorou tanto meu amor?"
>
> É nessa hora que você sente a vontade de dar um chute no saco dele e
> mandá-lo pra PQP, mas se contém e apenas ri suavemente explicando a
> quantidade de mulheres na fila.
>
> Dedicado a todas as mulheres de todas as partes do mundo que já tiveram
> que usar um banheiro público. E, finalmente explica a vocês, homens,
> porque nós demoramos tanto.
>
> Desconheço a autora, mas fez me pensar...que vergonha! lol

publicado por meujaspe às 22:19
sinto-me: envergonhadaaa

15
Dez 08

Vendo pack de game boy advance sp pokemon ruby com 11 jogos ( dois sao duplos) e bolsa. Está em optimo estado! è edição limitada.

Alguem interessado por favor contactar.
obrigada

 

(pelos vistos consegui colocar fotos aqui)

publicado por meujaspe às 22:39

05
Dez 08

Começo a nem saber escrever!!! tenho teclado tanto, mas tanto no trabalho que ate me doi o pulso direito e os nós dos dedos!! para quem diz q trabalhar sentado a um PC é bom....(eu dizia o mesmo)  pode tirar a ideia!!!! é q até irrita!!! e as dores nas costas??? ok..ja me disseram q a idade nao perdoa; e eu penso..mas ainda "ontem" tinha 20 anos,,corpo perfeito..dores de cabeça( o q eram isso?)...depois caio na realidade: ja sao mais uns quantos aninhos em cima, é um facto...!
 

Hj estou em dia não mesmo!! q raiva!

Ando com vontade de sair..algum sitio giro, quente, musica..sim, definitivamente musica!

 

Para não falar que eu tenho tao pouco tempo e sou uma morena mesmo burra na certa, porque ainda não consegui descobrir como posso mostrar fotos aqui!
 

Unfff

 

 

 

 

publicado por meujaspe às 22:19
sinto-me:

02
Dez 08

Saudades minhas? lol..Cá estou..e nem imaginam os meses de loucura que tenho tido: além do trabalho algumas alterações pessoais e de facto pouco tempo disponivel..ok; confesso que a falta de vontade também ajudou. Mas cáq estou, com um espirito natalicio, oh..oh..oh..nao fosse a enorme crise financeira que 99% dos portugueses atravessam..tudo correria ás 1000 maravilhas..ok..999 maravilhas! lol.

 

 

Para quem nao sabe sou daquelas pessoas que detesta estragar qq coisa, e sou apologista da reciclagem, assim e pq o Natal esta a porta venho mostrar uma boa possibilidade de negocio:

 

vendo uma consola da concentra Vsmile vermelha com um jogo do Noddy. a consola esta nova; o meu filho apenas usou uma vez( no dia que lhe ofereceram)  é de facto básica para a idade dele..8 anos. Aconselho-a para crianças na pré primária ou antes.está na caixa e tenho pena de a ver ali arrumada, assim se alguem tiver interesse faço negócio.

 

http://adoos.pt/post/4169954

 

Obrigada

 

QQ questão é so contactar!

 

 

publicado por meujaspe às 20:33
sinto-me:

Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


subscrever feeds
arquivos
2009

2008

mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO